Metabolismo - Projeto Mudança Brusca

Metabolismo

542e0f4b838269d868cdf68c014242ac_large


Hoje em dia muito se comenta sobre o metabolismo, as pessoas possuem interesse em conhecer seu próprio ritmo metabólico. Surgem várias dúvidas sobre essa questão, contudo, é mais simples do que parece.Não existe uma fórmula que torne o metabolismo menos ou mais acelerado, são vários fatores que estão envolvidos e que devem ser considerados e avaliados individualmente para se ter ideia de qual tipo é o metabolismo de cada um. O peso, idade, sexo, atividade física são fatores importantes na regulação do metabolismo. Por exemplo, aqueles que apresentam peso mais alto necessitam de um valor calórico maior, a idade mais avançada torna o metabolismo mais lento, os homens possuem maior massa muscular em relação às mulheres e com isso possuem um metabolismo mais rápido. Além disso, a prática de exercícios físicos deixa o metabolismo mais rápido. Todos esses dados devem ser considerados quando o assunto refere-se ao metabolismo de cada pessoa.

Considera-se metabolismo, as reações químicas que ocorrem dentro do organismo e tem a função de mudar ou produzir moléculas. Ele pode estar presente de duas formas: no estado anabólico ou catabólico.

As reações que acarretam o armazenamento de energia e construção de tecidos são conhecidas coletivamente como Anabolismo.

No caso de dietas para perda de peso considera-se que a pessoa sofre o processo de catabolismo, tornando algumas partículas do organismo degradadas, gerando assim, a diminuição do peso.

Durante o ANABOLISMO o estado em que seu corpo constrói tecido muscular, quando você descansa, seu corpo começa a reparar o tecido muscular danificado. Dessa forma, é durante o repouso, e não no exercício, que seu corpo desenvolve a massa muscular. Um exemplo deste processo anabólico reside na síntese de proteínas dentro do tecido muscular a partir dos aminoácidos, e na formação de estoques de glicogênio por intermédio do agrupamento de moléculas de glicose. Isto ocorre, por exemplo, quando após uma sessão de treinamento temos a ingestão adequada de nutrientes principalmente carboidratos e proteínas, onde os carboidratos serão convertidos em glicose e parte desta armazenada como glicogênio, e as proteínas fornecerão os aminoácidos necessários à hipertrofia muscular.

jay-cutler-resting-1-750x400

No período Catabólico estado do seu corpo que degenera o tecido muscular. Sempre que você treina, seja cardio ou musculação, você está fadigando os músculos. Quanto mais longo e difícil for seu treino, mais dano você causa ao tecido muscular. Outros fatores podem contribuir para que seu corpo fique em estado catabólico, como a má alimentação e a falta de descanso.
Se alimentar bem é fundamental. Procure comer de 3 em 3 horas. Quando você não come por um bom período de tempo, seu corpo começa a usar o tecido muscular como fonte de energia (catabolismo). A melhor maneira de evitar isso é comer várias vezes por dia, começando de manhã.

relogio-de-parede-herweg-6414-021

Comentários no Facebook